“Trabalho Novo” – Projeto de João Dória visa empregar até 20 mil moradores de rua

O atual prefeito da capital de São Paulo, João Dória Junior (PSDB), pretende empregar até o dia 31 de dezembro do ano corrente, 20 mil moradores de rua. O programa intitulado Trabalho Novo criou parceria com sindicatos da área de conservação e limpeza da cidade, a fim de que sejam reservadas algumas vagas do setor para os moradores. Será pago o equivalente a um salário mínimo (R$937,00) para cada trabalhador, inclusive aqueles que conseguirem um emprego deverão se comprometer em deixar as ruas no prazo de 90 dias, possuindo como opção de moradia os albergues, que passarão a ser chamados de Espaço Vida.

No mais, o Poupatempo ficará responsável pela elaboração dos documentos necessários para que o morador possa ingressar no mercado de trabalho tranquilamente.

Este projeto é um dos mais interessantes e aparentemente mais eficazes que quaisquer outros programas sociais já criados em 13 anos, em especial por não se manter através de dinheiro público. Ademais, o prefeito observou que não se deve dar peixes ao homem, mas sim ensiná-lo a pescar; e o que falta para muitas destas pessoas é exatamente isso, uma oportunidade!

Contudo, embora a atitude de Dória seja louvável, não se deve cegar e idealizar que tudo o que ele há de fazer será benéfico e correto. Suas ações e omissões devem ser vistas com olhar crítico, caso contrário já se sabe qual o fim daqueles políticos que não são vigiados diariamente e creem que suas atitudes são plenamente perfeitas.

Fundador do site Mão Invisível, Conselheiro Estadual junto ao Liderança nas Escolas em São Paulo, estudante de Direito e amante de quadrinhos
Loading Facebook Comments ...